[ad_1]

– Advertisement –

Na semana passada, fomos surpreendidos com a notícia de que o astro de cinema Bruce Willis estaria se aposentando em virtude de uma afasia.

Mas você sabe o que é isso, como essa condição pode afetar o cérebro e quais são os tratamentos disponíveis?

A afasia é um transtorno da linguagem que faz com que a pessoa tenha dificuldade na compreensão ou expressão de palavras e/ou símbolos associados a palavras. Ou seja, um indivíduo com o transtorno muitas vezes terá problemas na fala, leitura e compreensão de discursos.

Essa condição afeta as regiões do cérebro relacionadas à linguagem e pode ser consequência de um AVC, uma lesão ou mesmo devido ao aparecimento de um tumor na região.

Hoje, a principal forma de tratamento da afasia é a terapia fonoaudiológica. Mas você sabia que o Neurofeedback também pode ajudar nesse processo?

O psicólogo Bruno Zocchi explica sobre como o Neurofeedback pode ajudar na reabilitação de pacientes com afasia, ele promove a neuroplasticidade nas regiões afetadas, fazendo com que o desenvolvimento do transtorno seja retardado e ajudando no desenvolvimento de habilidades complementares.

”Ter uma abordagem focada na neurociência como complementar ao tratamento fonoterápico pode ser muito interessante para recuperar a qualidade de vida do paciente com afasia.” comenta Bruno.

No último domingo, a Rede Record exibiu uma matéria especial sobre afasia e mostrou o quão grande pode ser o desafio de pessoas que sofrem com a afasia e a repercursão de casos como do ator Bruce Willis oferece a oportunidade da difusão da informação para que esses pacientes descubram protocolos e tratamentos que podem beneficiá-los.

Bruno Zocchi

Graduando em psicologia pela Universidade de São Paulo com enfoque em Neuropsicologia e Neurociências. Membro da Liga Acadêmica de Neurociências, Psicofisiologia e Percepção do IP-USP e da International Society for Neuroregulation & Research (ISNR). Certificado de formação em Neurofeedback pelo sistema Brain-Trainer International (BTI). Participação nos cursos de Neurociência Médica da Duke University e Neuroanatomia Funcional da Biofeedback Federation of Europe.
Co-responsável pela elaboração de projetos relacionados a Neuromodulação e divulgação das práticas de treinamento, workshops e cursos desenvolvidas pela PotencialMente e seus parceiros. Sócio da PotencialMente – Academia Cerebral.

 

– Publicidade –

[ad_2]

Source link

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *